Hotel Agrinho Suites & Spa Gerês Logo

SAUNA NO AGRINHO SUITES & SPA GERÊS

2019/06/20

Há quem os evite por não se dar bem com o calor, mas os banhos de vapor, podem ser muito mais do que apenas relaxantes. Veja de que forma podem favorecer a sua saúde


Presente em alguns hotéis é ignorada por muitos, mas o vício de outros. E os últimos é que sabem, porque a sauna não só revigora por dentro como também por fora. Dizemos-lhe agora como deve usá-la para aproveitar os seus múltiplos benefícios ao máximo. Apesar de existirem regras de utilização, que não aconselham a sua utilização durante mais de 10 minutos seguidos, fazer uma sessão de sauna regularmente tem vantagens comprovadas:

Melhora a circulação sanguínea
O coração duplica o seu ritmo para bombear o sangue para a superfície da pele com o objetivo de a arrefecer. Um estudo japonês demonstrou que as pessoas com problemas cardíacos melhoram o bombeamento e o fluxo sanguíneo fazendo sauna.


Potencia o termómetro corporal
O organismo passa a responder melhor a temperaturas de frio ou de calor extremo.

Alivia algumas dores
Primeiro, porque um corpo quente é menos sensível às mazelas físicas. Depois, porque, durante a sauna, se liberam endorfinas, as hormonas do bem-estar. Quem sofre de artrite, por exemplo, deve fazer sauna regularmente.

Melhora a respiração
Uma investigação holandesa demonstrou que as doenças pulmonares obstrutivas melhoram durante a sauna.

O que fazer antes de entrar na sauna:
Descanse entre 15 e 30 minutos e não entre nela logo que acabar a sua sessão de treino, isto se fizer desporto.
Se já tiverem passado várias horas desde a sua última refeição, ingira hidratos de carbono (uma bolacha ou uma peça de fruta, por exemplo) para não ter uma descida de açúcar.
Tome um bom duche de água tépida antes de entrar. Esta é uma medida de higiene simples que torna a sauna mais eficaz.
Se é daquelas pessoas que tem sempre os pés frios, mergulhe-os em água quente durante cerca de cinco minutos antes de entrar na sauna. Desta forma acelerará a irrigação sanguínea.

Cuidados a ter durante uma sessão de sauna:
Se conseguir, deite-se sempre nos bancos intermédios pois os inferiores sobrecarregam o coração e, nos superiores, a temperatura é mais elevada.
Certifique-se que a temperatura da sauna é a correta (entre 80° C e 100° C), para que a sua temperatura exterior não passe dos 40° C.
Se ainda é principiante, comece com sessões de cinco a seis minutos, para ir aumentando, pouco a pouco, para os 10 e os 12. Não ultrapasse os 15 minutos de maneira nenhuma.
Quando sair, sente-se no banco com os pés pendurados para que a circulação se adapte à posição vertical e de seguida levante-se lentamente.

As precauções a ter depois da sauna:
Mantenha-se fora da sauna alguns minutos para arrefecer as vias respiratórias.
Tome um duche de água fria (é um passo fundamental que, no entanto, pouca gente leva a cabo) ou, se não conseguir, faça-o com água morna. Ao fazê-lo, comece pelos pés e vá subindo até ao umbigo e, finalmente, ao coração.

Se ainda é principiante, a sua sessão deve acabar aqui. Se é viciado, repita o ciclo sauna-duche, mas não o repita mais de três vezes.
A frequência ideal é de uma a duas saunas por semana, mas há quem lide melhor com sessões quinzenais.